Últimas Notícias

Menino realiza sonho ao receber visita dos bombeiros em sua festa de aniversário

Lorenzo Islabão completou sete anos nesta quarta-feira e ganhou a surpresa
13/02/2020 - 12h:06min - Fonte: GaúchaZH

A festa de aniversário de sete anos de um menino do sul do Estado teve uma surpresa inesperada. Lorenzo Islabão, não é fã de super-heróis, como boa parte dos garotos da sua idade. Sua admiração é pelos bombeiros, heróis da vida real. Completando mais um ano de vida, ele quis que o tema de sua festa fosse bombeiros. Integrantes de sua família ligaram para o número de emergência em Pelotas para convidá-los para a confraternização.

— Tivemos a ideia de ligar e explicar o sonho do Lorenzo. Desde sempre, ele é apaixonado pelos bombeiros e fez esse pedido para os pais de ter a festa com essa tema. Me senti muito feliz. A função social dos bombeiros é algo enorme. Um sorriso e uma sirene podem mudar a vida de um menino sonhador — contou Igor Islabão, irmão de Lorenzo.

Com uma noite tranquila na cidade nesta quarta-feira (12), os bombeiros pediram autorização dos superiores e aceitaram o convite. Comandante do 3º Batalhão de Bombeiro Militar (3ºBBM), o tenente-coronel Everton de Souza Dias conta que autorizou a ida dos soldados até o local da festa com alegria.

— Ficamos muito felizes com essa admiração que as crianças têm pela nossa profissão. Tivemos sorte de não ter ocorrência no momento e conseguimos fazer a felicidade da criança — afirmou o tenente-coronel.

Cerca de 30 minutos após a ligação, a ansiedade de todos acabou quando ouviram os primeiros sons de sirene. Quatro bombeiros chegaram ao local da festa, no bairro Areal, em um caminhão, como se estivessem atendendo a uma ocorrência.

— O que estimula o nosso dia a dia é a recepção que temos das pessoas. Quando fazemos algum atendimento ou quando temos o carinho das crianças, é isso que faz valer a pena o nosso trabalho e nos dá força de encarar o fogo — afirmou o soldado Patrick Medeiros Fagundes, 31 anos.  

Na chegada dos bombeiros, o pequeno Lorenzo ficou surpreso e de certa forma envergonhado. Poucos minutos depois, ele se soltou, aceitou o convite para vestir a roupa especial utilizada em incêndios e até subiu no caminhão para conhecer os equipamentos. Os bombeiros permaneceram 10 minutos na festa.

deixe seu comentário